Saiba Mais


nov 23

Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher

Desde 1999, a Assembleia Geral das Nações Unidas instituiu o dia 25 de novembro como o Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher em homenagem as “Mariposas”, as irmãs Pátria, Minerva e Maria Teresa, que foram assassinadas pelo ditador Rafael Leônidas Trujillo, da República Dominicana em 1960.

Esta data serve para a reflexão sobre as todas as formas de violência que as mulheres no mundo sofrem e também marca o início da campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres”, que encerra no dia 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos.

As violências mais comuns são a física, sexual, psicológica, patrimonial e moral. Somente no primeiro semestre de 2018 foram registradas 38.364 denúncias de todos os tipos de violência por meio do Ligue 180, sendo que a violência física a maior com 43,3%. A violência psicológica, a segunda maior nas denúncias com 12.745, consiste em xingamentos, humilhações, ameaças, chantagem, discriminação, manipulação, perseguição, controle ou outros atos que causem danos à autoestima, à identidade e ao desenvolvimento e equilíbrio emocional da mulher.

A psicologia tem um papel fundamental no fortalecimento e acolhimento da mulher para que, assim, ela possa sair do ciclo de violência.

Para denunciar, ligue 180.

 

25 de novembro

FacebookTwitterGoogle+Email