Saiba Mais


out 11

O adolescente e a Escolha Profissional

 

A escolha da profissão para o adolescente está associada a um momento de passagem para a fase adulta. Escolher a profissão contribui para a integração da personalidade do jovem, pois lhe diz respeito de quem será e o lugar que terá no mundo, definindo assim, sua identidade profissional. Para realizar essa escolha o adolescente passa por um momento de inquietude: stress, insonia, depressão e distúrbios emocionais pelo excesso de ansiedade que o jovem enfrenta nesse momento de crise frente a sua incapacidade de se decidir.capa-Reprodução1-194x300

É importante para o adolescente no momento da escolha da profissão que desenvolva sua identidade profissional, para isso, é necessário que haja a identificação de gostos, interesses e aspirações, para que possa escolher a profissão que deseja seguir, além da importância de conhecer a si mesmo. Deste modo a escolha da profissão torna-se um desafio ao adolescente, pois é nessa fase que ele sofrerá interferências da família, culturais e também psicológicas da sociedade.
Estudos mostram que a participação dos pais na vida do adolescente acontece de várias maneiras e uma delas é no momento da escolha da profissão. Essa participação pode facilitar ou dificultar o processo de escolha, e quando há a participação de maneira positiva dos pais no momento da escolha os adolescentes vivem o processo de forma mais proveitosa. Os pais que participam dessa maneira do processo de escolha, possibilitam que os filhos criem autonomia e o seu próprio projeto de vida.
Estudos também afirmam que alguns adolescentes após terem se inserido na faculdade, não finalizaram o curso escolhido ou não atuam na área que estudaram. Isso pode acontecer devido à falta de autoconhecimento, segurança e maturidade do jovem frente à decisão.
Outra contribuição importante para o adolescente é buscar ajuda na Orientação Vocacional.
A Orientação Vocacional é desempenhada por um psicólogo tendo duração aproximada de 8 a 12 encontros, com a utilização de instrumentos como processo de avaliação, tendo como objetivo compreender o adolescente e ajudá-lo no processo da escolha profissional.
Outro fator importante, é que seja discutido com o jovem orientações referente a área que ele deseja atuar, as instituições educativas, remunerações, atividades desenvolvidas e as exigências do mercado de trabalho.
A Orientação Vocacional pode ser aplicada em jovens e adolescentes cursando o ensino médio e também com pré-vestibulando. Portanto, faz-se necessário que o trabalho do Orientador Vocacional seja desenvolvido em conjunto com a ajuda dos pais, para que o jovem possa fazer uma escolha assertiva de sua profissão.

FacebookTwitterGoogle+Email